Além dos cuidados gerais com a saúde da pele, unhas e cabelos, um dos papéis mais importantes do dermatologista na […]

Além dos cuidados gerais com a saúde da pele, unhas e cabelos, um dos papéis mais importantes do dermatologista na vida de um paciente é a avaliação e mapeamento das pintas do corpo. Nós vamos te explicar porque:

A importância do mapeamento corporal

Você possui muitas pintas, ou nevos, como são cientificamente chamadas? Existem casos, em que algumas delas podem ser um câncer de pele. Por isso, é importante realizar a avaliação e mapeamento das pintas do corpo. Pois este é um método que ajuda a diagnosticar precocemente o câncer de pele, caso surja esse quadro.

Dados da Sociedade Brasileira de Dermatologia mostram que o câncer de pele representa 33% de todos os diagnósticos da doença em nosso país. O tipo mais comum, o câncer de pele não melanoma, possui letalidade baixa, mas os índices de incidência continuam altos.

Saiba como o mapeamento de pintas é feito

A técnica é realizada em duas etapas contínuas:

1ª etapa: são feitas fotografias de toda a superfície corporal, inclusive couro cabeludo e plantas dos pés em posições padronizadas. Em seguida, são marcados todos os pontos que merecem receber avaliação dermatoscópica.

 2ª etapa: é feita dermatoscopia de todas as pintas marcadas, o que permite melhor identificação. Dessa forma, há a possibilidade de reconhecer o melanoma, alguns outros cânceres e doenças de pele. Também em exames subsequentes é feita a comparação da evolução meticulosa dessas pintas.

Trata-se de uma técnica de exame não invasiva, que permite ao médico um diagnóstico mais preciso da mancha ou pinta na pele (ou mesmo lesão do couro cabeludo, unhas e mucosas) utilizando-se de uma câmera e microscópio com aumento de 20 a 70 vezes. Por se tratar de um software extremamente preciso e avançado, permite avaliar o surgimento de novas lesões, assim como controlar precocemente a evolução dos sinais pré-existentes, evitando intervenções cirúrgicas desnecessárias sem abrir mão da segurança.

Diagnósticos que podem ser obtidos através do mapeamento 

Como mencionado anteriormente, é possível detectar outros problemas de pele além do câncer. A seguir, nós listamos o que o mapeamento corporal de pintas pode diagnosticar: 

  • Detecção precoce do melanoma e outros cânceres de pele (Carcinoma basocelular e espinocelular);
  • Permitir o diagnóstico diferencial com lesões benignas da pele, como as ceratoses seborreica e actínica, nevos melanocíticos (pintas ou sinais) e melanose solar;
  • Acompanhamento periódico de lesões de pele suspeitas de malignidade em pacientes com múltiplos nevos, evitando assim biópsias desnecessárias;
  • Diagnosticar e acompanhar a resposta aos tratamentos de diferentes transtornos dos cabelos, unhas e mucosas.

Conheça os paciente indicados a realizar o mapeamento de pintas

  • Pacientes com múltiplos nevos (pintas ou sinais);
  • Pacientes com histórico familiar ou pessoal de melanoma;
  • Pacientes que tenham sofrido múltiplas queimaduras solares na infância;
  • Pacientes que tenham feito múltiplas sessões de bronzeamento artificial em cabine;
  • Pacientes com histórico de outros tipos de câncer de pele;
  • Pacientes com determinadas afecções de couro cabeludo, unha e mucosas.

Entre em contato conosco para maiores informações ou para agendar sua avaliação com nossa equipe. Nossa clínica está localizada na Barra da Tijuca, na cidade do Rio de Janeiro, e é especializada em mapeamento de pintas corporais e nos mais diversos procedimentos estéticos.

Clínica Paula Chicralla

Av. das Américas, 3500, Bloco 6, Loja C,
Barra da Tijuca, Rio de Janeiro - RJ, 22640-102.

  • Estacionamento valet disponível.
  • Acessibilidade para cadeirantes.
Traçar rota até a clínica
Fale conosco pelo Whatsapp!